Como aumentar o Faturamento do seu Negócio

Como aumentar o Faturamento do seu Negócio

Como todos sabemos, ninguém abre uma empresa para perder dinheiro, e sim para agregar valor ao cliente e aumentar seus próprios lucros. Para isso, é necessário aumentar seu faturamento e reduzir custos e despesas.

 

 

Raramente os donos dos negócios se atentam em saber qual o perfil, o tipo de cliente que usufrui de seus produtos. E o primeiro passo, que é fundamental, é entender quais são essas personas para que as estratégias geradas tenham um foco e sejam direcionadas para atender os perfis corretos na atuação comercial.

E para identificá-las, podemos utilizar o Mapa de Empatia, respondendo as seguintes perguntas:

 

  • O que ela pensa e sente?
  • O que ela ouve?
  • O que ela fala e faz?
  • O que ela vê?
  • Quais são suas dores?
  • Quais são seus objetivos?

 

Respondidas as perguntas e identificadas as personas do seu negócio, é necessário a aplicação de estratégias para alcançar o tão esperado aumento no faturamento.

 

Quais são essas estratégias?

 

A primeira delas é aumentar o número de clientes do seu negócio. Para isso, precisamos pensar no Funil de Vendas, que já foi abordado em um conteúdo do nosso Blog. Esse funil nada mais é do que aplicar estratégias de Marketing para capturar novos clientes, que se baseiam em duas técnicas, são elas:

 

  • Inbound Marketing: o foco é em desenvolver relacionamento com seus clientes a partir da produção de conteúdo baseado na jornada de compra e, assim, esse cliente buscará a empresa para efetuar a compra. Blog, Redes Sociais, Landing Page e E-mail Marketing são alguns exemplos desta estratégia;
  • Outbound Marketing: o foco do outbound é buscar por possíveis clientes de maneira ativa, ou seja, a empresa vai até o cliente, ao contrário do Inbound, em que o cliente vem atraído pelo conteúdo. Propagandas de TV, outdoors, Cold Call e eventos são os exemplos mais conhecidos do Outboun Marketing.

 

É muito importante também saber a hora de desistir de clientes que não se beneficiarão da sua solução, para que seu funil de vendas não seja atravancado com pessoas ou empresas que, na verdade, não precisam de você.

 

A segunda estratégia está relacionada a aumentar seu número de clientes, mas mais importante que isso, é nunca deixar os antigos compradores de lado. Essas pessoas necessitam dos seus serviços ou produtos mais vezes, mas se não for com você, será com a concorrência.

Ter uma lista de pessoas que confiam no seu negócio, faz com que seja 70% mais fácil fechar outra venda com quem já comprou de você. Sua missão é estar sempre atrás de novas soluções ou produtos que agradem esses clientes, gerando assim um hábito de recorrência por parte destes.

Além disso, uma clientela fiel estará mais propensa a indicar seu serviço ou produto. Isso significa que além de clientes fidelizados, você terá um aumento consistente na sua carteira de clientes.

 

Como terceira estratégia, temos o aumento do Ticket Médio das vendas. Mas antes, o que é o ticket médio? Podemos defini-lo como o valor médio de faturamento de cada venda, calculado pelo faturamento médio das vendas no período, dividido pelo número de vendas deste mesmo período.

O ticket médio é muito empregado na definição das metas do negócio. Qualquer que seja, a meta deve ser coerente com o modelo de negócio. Assim, se seu ticket médio tende a ser baixo, foque em aumentar o volume de vendas para ter um bom faturamento. Já se esse valor é alto, foque em oferecer um atendimento de ponta para seus compradores.

Há diversas ações que podem ser tomadas para aumentar o valor do ticket médio, dentre elas:

 

  • Oferecer descontos por quantidade: benefícios para os clientes que utilizarem mais de seus serviços.
  • Realizar promoções/sorteios periodicamente: dar a oportunidade para o cliente concorrer a algum prêmio, claro que, adaptando esse recurso para a realidade da sua empresa.
  • Apostar em um bom programa de fidelidade: ação mais importante relacionada ao pós-venda, recaindo na segunda estratégia desse conteúdo, que é criar benefícios exclusivos para clientes recorrentes, gerando um diferencial competitivo.

 

Por fim, é importante saber que o cliente é sempre o centro do seu negócio, dessa forma, utilizando os métodos e técnicas abordados acima, seus custos e despesas reduzirão consideravelmente e a atratividade dos seu produto ou serviço irá crescer, fazendo com que a balança da lucratividade se torne carda vez mais positiva. Com isso, você conseguirá alcançar o tão desejado aumento no seu faturamento!

Sobre o autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem somos

Parte do Movimento Empresa Júnior, o Grupo Gestão é uma organização sem fins lucrativos, formada por alunos da Universidade de Brasília, com o propósito de impactar a sociedade através de uma consultoria empresarial inovadora.

BAIXE AQUI