Lean Manufacturing e a Produtividade da sua Empresa

Lean Manufacturing e a Produtividade da sua Empresa

Lean é uma filosofia de manufatura que busca, através da eliminação de desperdícios, aumentar a produtividade das empresas. Com a redução do tempo entre o pedido do cliente e a entrega é possível garantir uma satisfação maior do cliente, gerando mais valor agregado ao seu produto ou serviço. Esse conceito nasceu no Japão através da aprendizagem prática e dinâmica da produção têxtil e automobilística no país.

O objetivo do Lean é produzir cada vez mais com cada vez menos, isto é, estabelecer uma produção enxuta e gerar mais valor aos clientes atendidos.

É necessário  compreender que o Lean, acima de tudo, é uma cultura. A sua implementação implica em uma mudança de perspectiva de todos os funcionários, que devem compreender e acreditar nos princípios do Lean Thinking. Esses princípios abrangem, primeiramente, a criação de valor voltada para o cliente em todos os âmbitos do negócio, até o estabelecimento de uma produção sob demanda do cliente (produção puxada).

A partir da ótica do Lean Manufacturing, são identificados 8 desperdícios, que reduzem os resultados das organizações:

1. Superprodução

2. Transporte Desnecessário

3. Estoque

4. Tempo de Espera

5. Processamento Extra

6. Reparos

7. Movimentação Indevida

8. Esforço Intelectual Mal Direcionado

Para reduzir esses desperdícios e impulsionar a produtividade da sua empresa, o segredo do Lean é estabelecer metas bem definidas e realizar ajustes na empresa. A metodologia  Lean nos ensina que devemos ter como objetivo: 

  • Zero Defeito (evitar ao máximo falhas e erros nos processos e na produção)

  • Zero tempo de SetUp (reduzir o tempo em que a produção é interrompida para que os equipamentos fabris sejam ajustados)

  • Estoque Zero (reduzir ao máximo os estoques)

  • Movimentação Zero (reduzir a movimentação dentro da empresa e dentro da fábrica)

  • Quebras Zero (acabar com a perda de material e com desperdício de insumos)

  • Lead Time Zero (reduzir ao máximo o tempo entre o momento do pedido do cliente até a chegada do produto)

  • Lote unitário (produção de uma peça por vez)

Então, qual é o grande diferencial do aumento de produtividade pelo Lean?

O grande diferencial é que, juntamente com as metas estabelecidas são aplicadas ferramentas específicas para cada parte do seu processo e por fim ocorre uma verdadeira capacitação da empresa, para que todos compreendam os conceitos e internalizem a filosofia Lean. É importante notar que a metodologia é uma verdadeira mudança de mentalidade.

Assim, a empresa pode realizar as devidas mudanças via Lean sozinha, proporcionando uma nova rede de habilidades que serão constantemente aprimoradas.

A cultura Lean vêm se estabelecendo de maneira cada vez mais presente em grandes empresas. Desde a sua implementação ele Toyota e os resultados que a empresa obteve, a filosofia tem se espalhado por todo o mundo.  Atualmente, empresas de destaque como: Nike, Intel e a Ford utilizam essa metodologia. No Brasil, grandes empresas já adotam o Lean como a Ci&T e a 3M. Na área de saúde, nomes como o Laboratório Sabin e o Instituto Oncológico do Vale (IOV) já o aplicam.

Fonte:  Lean  institute  Brasil;  WERKEMA, Cristina.  Como  Construir  o  Mapa  de raciocínio de um Projeto Lean Seis Sigma.

Sobre o autor

Grupo Gestão

Acreditamos na força do empreendedorismo. Dessa forma, buscamos fazer a diferença em nossa sociedade através de consultorias inovadoras, com o objetivo de alcançar melhores resultados para o seu tipo de negócio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem somos

Parte do Movimento Empresa Júnior, o Grupo Gestão é uma organização sem fins lucrativos, formada por alunos da Universidade de Brasília, com o propósito de impactar a sociedade através de uma consultoria empresarial inovadora.

BAIXE AQUI