Ser feliz no trabalho faz a diferença?

Ser feliz no trabalho faz a diferença?

O Jeito Harvard de Ser Feliz

No livro “O jeito Harvard de ser feliz”, o autor Shawn Achor mostra que ser feliz faz a diferença em todos os âmbitos da vida, inclusive no profissional, e quebra o paradigma que o sucesso vem antes da felicidade. O autor conheceu a psicologia positiva em Harvard e passou anos estudando e desenvolvendo os Sete Princípios, podendo comprová-los na universidade e em seus alunos seguindo, após esse período, para o mundo dos negócios buscando verificar se esses princípios se aplicariam. Ao abrir uma pequena empresa de consultoria, o autor viajou o mundo inteiro testando e aprimorando seus princípios.

No decorrer do livro o autor se baseia em pesquisas feitas ao longo dos últimos anos para mostrar que ser feliz trabalhando não afeta somente o ambiente de trabalho, também aumenta a produtividade, diminui a rotatividade dos cargos e, até mesmo, ajuda na saúde de seus funcionários. Apesar de hoje as empresas buscarem tornar o clima organizacional melhor e se preocuparem com a satisfação de seus funcionários, muitos ainda veem isso apenas como um extra, não algo que pode afetar sua empresa e, consequentemente, seu faturamento. Esse livro nos traz provas que a felicidade é um fator determinante ao sucesso do seu negócio.

No entanto, do que adianta saber o diferencial da felicidade em sua empresa e não conseguir mudar o estado de espírito de seus funcionários e líderes? Pensando nisso, junto às pesquisas o autor nos traz os Sete Princípios, padrões específicos e comprovados para uma mente mais positiva. Os Sete Princípios são:

  1. O Benefício da Felicidade

  2. O ponto de apoio e a alavanca

  3. O efeito tetris

  4. Encontre oportunidades na adversidade

  5. O círculo do zorro

  6. A regra dos 20 segundos

  7. Investimento Social

Nesses princípios ele aborda: como um cérebro positivo pode dar uma vantagem biológica e como capacitar seu cérebro para ser mais positivo, como ajustar sua atitude mental,  os padrões que constantemente nos vemos presos e como mudá-los para padrões mais saudáveis, como tomar melhor controle sobre a sua vida e como o relacionamento com seus amigos e família são importantes para ser uma pessoa mais feliz e realizada. Ao trazer esses princípios, o autor explica cada um e como qualquer pessoa pode aprender a ser mais feliz e melhorar o ambiente ao seu redor com a mudança de alguns hábitos.

Durante todo o livro, Shawn Archor enfoca no ambiente de trabalho, usando empresas e como a mudança da liderança impactou na empresa e em seus funcionários. Ao final do livro ele nos traz o efeito propagador do benefício da felicidade, ser feliz não afeta apenas o seu ambiente de trabalho, afeta todos ao seu redor.

Ao se esforçar e buscar ser mais feliz, você muda e acaba por melhorar seus relacionamentos, no trabalho e fora dele. Melhorar seu bem-estar e desempenho acaba por ajudar as pessoas que estão com você a seguirem o mesmo caminho.

“Ao promover mudanças em nós mesmos, podemos propagar os proveitos do Benefício da Felicidade às nossas equipes, empresas e a todas as pessoas que nos cercam.”

(Shawn Archor, O jeito Harvard de Ser Feliz)

Sobre o autor

Grupo Gestão

Acreditamos na força do empreendedorismo. Dessa forma, buscamos fazer a diferença em nossa sociedade através de consultorias inovadoras, com o objetivo de alcançar melhores resultados para o seu tipo de negócio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem somos

Parte do Movimento Empresa Júnior, o Grupo Gestão é uma organização sem fins lucrativos, formada por alunos da Universidade de Brasília, com o propósito de impactar a sociedade através de uma consultoria empresarial inovadora.

BAIXE AQUI